21.07.2022

O Reino de Deus transforma tudo- Pt. 02 | Rev. Thiago Mattos.

O reino de Deus pode transformar tudo em nós.

“Disse mais: A que compararei o Reino de Deus? É semelhante ao fermento que uma mulher pegou e misturou em três medidas de farinha, até ficar tudo levedado.” (Lucas 13:20,21)

    Na última pastoral, falamos do Reino de Deus que transforma tudo à nossa volta e que, por isso, nós somos chamados para proclamarmos e agirmos como cidadãos do Reino! Se existe violência, vício, dor, tristeza e solidão, então, é porque ainda existe muito do Reino para ser proclamado e demonstrado com poder pelos discípulos de Jesus.

    No entanto, limitar a ação do Reino às coisas que estão à nossa volta (trabalho, sociedade, escola, vizinhança, família, etc) seria não perceber o quanto este Reino é maravilhoso e poderoso. E podemos dizer isso porque também vemos que o Reino de Deus transforma tudo em nós!

Jesus utiliza uma ilustração atraves da culinária.

       A ilustração que Jesus utiliza pra demonstrar isso é emprestada da culinária: naquela época, não existia o fermento com o qual nós estamos acostumados (aquele da tampinha vermelha). Nos tempos de Jesus, o fermento era uma massa já fermentada que era deixada de uma semana para outra, para que, em ocasião oportuna, pudesse ser acrescentada a uma nova porção de massa. Ou seja, uma massa fermentada misturada com uma massa sem fermento. Acontece que, ao fim do processo, a massa se tornaria algo único! Por mais escondida que esteja aquela massa fermentada, ainda assim, ela vai mudar completamente a natureza da massa sem fermento e, assim, toda a massa estará fermentada!

      Isso implica na realidade que este Reino de Deus que Jesus introduziu em nossos coração, de fora pra dentro, não era algo que existia em nós. Mas, no momento em que Jesus o colocou em nós, então, essa ‘massa fermentada’ vai exercer uma influência poderosa, impactante, penetrante e completa e, de dentro pra fora, vai transformar toda nossa vida.

    Se o Reino de Deus demonstra o caráter gracioso, protetor e benevolente do Rei (Lucas 13:18,19), então, nós também devemos perceber que o Reino de Deus demonstra o poder do Rei (Lucas 13:20,21)! O Rei é poderoso, majestoso, glorioso e, pela Sua graça, opera nos corações de seus súditos a ponto de os transformar inteiramente.

O Reino de Deus nos transforma com poder.

      É completamente estranho ao Evangelho a realidade de alguns crentes que, mesmo professando sua fé, ainda mantem uma vida completamente desinteressada por Deus: adorando aos ídolos, se entregando ao engano, à imoralidade, ao vazio das ideologias. É completamente incoerente com a Palavra que, aquele que se diz cristão, ainda continue servindo a dois, três, ou 10 ‘senhores’, cambaleando entre falsos deuses, de acordo com a conveniência. É completamente incoerente com o poder do Reino professar ser um discípulo de Cristo e permanecer inativo: o Reino de Deus nos transforma com poder.

      O Reino de Deus deve transformar tudo em nós: nossos pensamentos, ideais, convicções, desejos, vontades, sonhos e ações! Que o Espírito de Cristo em nós nos mova e nos transforme ao provarmos da realidade do Reino em nós

Que Deus os abençoe!

Rev. Thiago Mattos de Lara 
Igreja Presbiteriana do Tarumã

Saiba mais sobre a IPT clicando aqui 

Curtiu? Então compartilhe este post com alguém!

Share on facebook
Share on whatsapp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Venha nos conhecer

Sua presença será uma alegria para nós, entre em contato
para agendarmos sua participação.