23.12.2021

A Esperança de que dias melhores virão.

Estamos vivendo os últimos dias de 2021.

 “Mas você precisa saber disto: nos últimos dias sobrevirão tempos difíceis.” (2 Timóteo 3:1)

   Estamos vivendo os últimos dias de 2021! Imagino que uma boa parte das pessoas já estejam com a lentilha e a carne de porco estocadas, já escolheram a cor de roupa mais adequada pra ocasião e, além disso, já estão com os pulinhos treinados para as 7 ondas.

    No entanto, até mesmo os incrédulos, por mais supersticiosos que sejam, sabem que essas coisas não funcionam. Um mínimo de senso já serviria para perceber que nada disso vai fazer com que o ano seja melhor ou pior. E, honestamente, o mais grave é que muitos crentes caem nessas armadilhas do paganismo contemporâneo… Apesar dessa ser uma reflexão importante, não é sobre isso que gostaria de conversar com você nesta pastoral – ainda que envolvam essas coisas… Minha intenção é levá-lo a pensar sobre o motivo pelo qual as pessoas fazem isso. Tenho certeza que a maior parte das pessoas faz tão somente por um mero costume, pois sabem que estas coisas não tem poder nenhum para nos trazer um ano mais aprazível ou abundante.

    No entanto, é certo que há um certo temor de que “se eu não fizer essas coisas, corremos o risco do ano ser ainda pior… Se fazendo já foi ruim, imagina se não fizer???” Em outras palavras, podemos dizer que mesmo cultivando algum ceticismo quanto a eficácia dessas superstições, ainda assim, as pessoas continuam depositando a esperança de dias melhores naquilo que estas práticas podem trazer.

Devemos acreditar em supertições?

   “Tem que ser carne de porco porque ‘fuça’ pra frente… Não pode ser galinha porque cisca pra trás!”; “Comer lentilha porque atrai prosperidade”; “Vestir tal cor porque traz tal benefício…”

Perceba que as pessoas almejam o benefício que estas superstições supostamente trazem: riqueza, sucesso, prosperidade, tranquilidade, paz, amor, etc. Estas práticas, na verdade, apenas refletem os ‘deuses’ da humanidade; nada mais são do que os ídolos que as pessoas perseguem (e adoram). E sejamos honestos: estas coisas aquecem nosso coração também.

   Tenho certeza que, assim como eu, você já deve ter depositado um pouco da sua esperança em alguma dessas coisas também. “Se eu tivesse um salário melhor…”; “Se eu encontrasse um emprego melhor…”; “Se eu começasse a namorar…”; “Se eu ganhasse na Mega Sena…”; “Se eu conseguisse viajar pra ‘tal lugar’…”; “Se eu tivesse mais tempo livre…” Todos nós acabamos depositando um pouco da nossa esperança em dias melhores em coisas que, na verdade, jamais poderiam nos trazer dias melhores. E quando fazemos isso, esquecemos do mais óbvio: do Senhor!

Vamos celebrar 2022 com nosso Deus!

   O Natal é um momento do ano em que nós precisamos nos lembrar disso: Deus enviou Seu Filho Unigênito como Salvador. E, como Salvador, Jesus entregou Sua vida preciosa por nós, pagando o preço do nosso pecado. Morreu pra isso, mas ressuscitou. E, tendo ressuscitado, prometeu que voltaria para buscar a Sua Igreja. Essa esperança é o motor da vida cristã: sabermos que, um dia, Ele vai voltar para nos buscar; sabermos que estaremos com Jesus, desfrutando da glória eterna.

  Todas as coisas que nós esperamos para a vida, tudo aquilo que fazemos ou deixamos de fazer, tudo o que nos motiva, toda piedade e espiritualidade está baseado no fato de que nós esperamos o Salvador voltar. Assim como, um dia, o Salvador veio a este mundo, evento que celebramos no Natal, assim também aguardamos o momento em que Ele vai voltar.

Que Deus nos ajude!

Feliz Ano Novo!

Rev. Thiago Mattos.
Igreja Presbiteriana do Tarumã

Saiba mais sobre a IPT clicando aqui 

Curtiu? Então compartilhe este post com alguém!

Share on facebook
Share on whatsapp

Uma resposta

  1. Reflexão excelente; vou repassá-la a pessoas queridas que, “sem embargo de tudo que prove o contrário”, cultivam todas ou quase todas essas superstições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Tabela

Venha nos conhecer

Sua presença será uma alegria para nós, entre em contato
para agendarmos sua participação.